segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Serenity Now! *

Há um episódio do Seinfeld brilhante, como todos aliás, que retrata um pouco o que eu não quero para mim agora.
O pai do George, o Frank, pessoa altamente ansiosa, anda a ouvir cassetes de auto-ajuda cujo mantra é "Serenity now". Mas o Frank, em vez de repetir calmamente o mantra, grita-o de braços no ar, expulsando toda a raiva. E a bem dizer isso é um auto-boicote. É só meio caminho andado, falta o resto. A coisa não funciona.
E é mesmo isso que eu andava a fazer. Apelava a uma serenidade que não percebia porque não vinha. Tenho de respirar, e deixar fluir as coisas. E perceber que não tenho de controlar tudo, uma vez que não controlo nada.
E se calhar podia rever mais uns Seinfelds.

*"Insanity later" responde o Kramer.

4 comentários:

Naná disse...

esse episódio é assim uma coisa absolutamente genial. há uns tempos atrás saí-me com essa do "serenity now" do Frank Constanza!

triss disse...

Naná, eu consigo rever-me em tantos episódios do Seinfeld, amo de paixão esta série:-)

Naná disse...

Há um também mítico para mim que é do Allô Allô, nunca mais me esquecerei do Herr Flick a dizer à Helga: "you may kiss me!"

Julieta disse...

Mas é que é isso mesmo...e não é fácil de concretizar :)